Integral ou rico em fibras? Saiba a diferença.

Imagem

integralUm produto rico em fibras, ou com a designação de “alto teor de fibras” ou “enriquecido com fibras” não é necessariamente integral.

Os cereais integrais mantêm o cereal de origem em estado puro, ou seja, não são submetidos a refinação e, quando são transformados em farinha, são aproveitadas todas as partes do cereal (casca, camada intermédia e gérmen).

Quais as vantagens? Demoram mais a ser digeridos, saciando e mantendo os níveis de energia no corpo por mais tempo e evitando o aumento de glucose no sangue.
Por sua vez, também contêm mais nutrientes, pois é na casca que se encontra uma elevada percentagem de fibras, vitaminas, hidratos de carbono e minerais, sobretudo, potássio, selénio e magnésio.

Os cereais com alto teor de fibras ou enriquecidos com fibras não contêm os mesmos nutrientes que os cereais integrais. Isto porque, atravessam o processo de refinação durante o qual a casca é eliminada e, com esta, uma parte importante dos seus nutrientes. Ao eliminar a casca, obtém-se uma farinha mais fina e mais limpa e só posteriormente é que lhe é novamente adicionada a fibra.

Quais as vantagens? A refinação torna o sabor e o aspeto mais agradável.
Conclusão, um produto rico em fibra pode conter apenas uma parte do grão, enquanto um produto integral contém a totalidade do grão, incluindo grande parte dos seus nutrientes de origem.

Assim, sempre que possível, opte pelos cereais integrais.

Deixe o seu comentário...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s