Café “curto ou cheio”? Qual dos dois tem mais cafeína?

Imagem

Vamos esclarecer a dúvida, começando por explicar que a cafeína é uma substância extremamente solúvel em água quente, cujos efeitos no nosso organismo são muito benéficos, desde que não sejam excedidas as doses diárias aconselhadas (200 a 300 mg/dia).
Portanto, sendo esta solúvel na água quente, quanto mais tempo estiver em contacto, maior será a sua libertação. Assim, o café que demora mais a ser extraído (o cheio) transfere para a água uma maior concentração de cafeina.
Por sua vez, o café curto pode apresentar-se mais denso (apesar de conter menor quantidade de cafeina), o que se justifica pela pressão a que é submetido ao ser extraído. Ou seja, ao passar pelas partículas de café, a água desencadeia uma emulsão que transporta as substâncias gordas e óleos aromáticos que, por sua vez, numa menor quantidade de água, dão ao café um corpo mais denso e aveludado.

Então qual a quantidade de cafeina (valor aproximado)?
– num café curto: cerca de 87,0 mg
– num café cheio: cerca de 98 mg

NOTA: o teor de cafeina é variável consoante a origem da planta, grau de torra, moagem, método de preparação, quantidade utilizada na preparação, etc.

Deixe o seu comentário...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s